­

Adesão à terapêutica anti‑retrovírica num hospital pediátrico – fatores relacionados e repercussão clínica

Dina Mendes, Marta Alves, Daniel Virella, Flora Candeias
Preço base com taxas
Preço Venda3,00 €

Descrição

Adherence to antiretroviral therapy in a pediatric hospital ‑ related factors and clinical outcomes

Introdução e Objetivo: A adesão à terapêutica anti‑retrovírica (TARV) é essencial para a supressão vírica e diminuição da morbilidade e mortalidade em crianças infetadas pelo Vírus da Imunodefciência Humana (VIH). É, contudo, uma questão bastante complexa pelos diversos fatores envolvidos. O objetivo deste estudo é avaliar a adesão à TARV no Hospital D. Estefânia e identifcar fatores relacionados, suscetíveis de intervenção, bem como a repercussão clínica.

Materiais e Métodos: Estudo dos doentes em tratamento para a infeção VIH entre Janeiro 2014 e Junho 2015. Recolha de dados de processos clínicos, registos de dispensa da Farmácia e questionários confdenciais. Adesão total e parcial ou total defnidas, respetivamente, como dispensa de pelo menos 95% e 80% da medicação prevista para o doente. Análise estatística pelo teste qui‑quadrado ou teste exato de Fisher.
(continua...)

Palavras‑chave: adesão, pediatria, terapêutica anti‑retrovírica, VIH
Keywords: adherence, antiretroviral therapy, HIV, pediatrics

­

Este site utiliza cookies. Ao navegar neste site está a consentir a sua utilização. Consulte as condições de utilização e a nossa política de privacidade.
copyright 1995-2018 Revista de Saúde Infantil | ASIC - Associação de Saúde Infantil de Coimbra | Portugal | Todos os direitos reservados