­
UM CASO DE LÍNGUA VILOSA NEGRA NUM LACTENTE

LÍNGUA “BOLORENTA”: UM CASO DE LÍNGUA VILOSA NEGRA NUM LACTENTE

Andreia Nogueira, Sofia Pires, Manuel Salgado
Preço base com taxas
Preço Venda3,00 €

Descrição

A “MOLDY” TONGUE: A CASE OF BLACK HAIRY TONGUE IN AN INFANT

A língua vilosa negra (LVN) resulta da acumulação de queratina nas papilas filiformes do dorso da língua. Em lactentes é rara havendo apenas nove casos descritos na literatura, todos com menos de seis meses de idade. Não obstante o aspeto impressionante, trata-se de uma condição benigna e autolimitada em cerca de dois meses, que não provoca mau hálito nem incomoda a criança, mas perturba os familiares.
Descrevemos um caso de LVN num lactente de dois meses de idade, previamente saudável e sem fatores predisponentes. Após múltiplas raspagens diárias da língua pela mãe, em dois meses verificou-se a quase resolução da LVN. Não teve recidivas nos meses seguintes. (continua...)

Palavras-chave: língua vilosa negra; pigmentação da língua; lactente
Keywords: black hairy tongue; tongue pigmentation; infant

­

Este site utiliza cookies. Ao navegar neste site está a consentir a sua utilização. Consulte as condições de utilização e a nossa política de privacidade.
copyright 1995-2020 Revista de Saúde Infantil | ASIC - Associação de Saúde Infantil de Coimbra | Portugal | Todos os direitos reservados